Diabetes
Diabete: sintomas de alerta
18 de maio de 2018
Dieta DASH X Mediterrânea: São diferentes?
11 de junho de 2018
Exibir tudo

Nódulos Tireoidianos: O que isso significa?

 

A glândula tireoide é um órgão localizado na região do pescoço que  produz hormônios essenciais para o funcionamento regular do nosso metabolismo, a triiodotironina (T3) e a tiroxina (T4). Os nódulos tireoidianos são massas sólidas, diferentemente dos cistos tireoidianos que são uma coleção de líquido, ambos crescem dentro da glândula tireoide. Os nódulos são muito comuns, sendo a maioria deles benignos, cerca de 90%, de causa desconhecida, porém também podem ser cancerígenos, sendo a minoria dos casos.

Fatores que predispõem o aparecimento dos nódulos:

Idade: Com o envelhecimento a uma maior probabilidade de surgimento de um nódulo

Sexo: Mulheres são mais propensas a apresentarem nódulos benignos de tireoide.

Deficiência de Iodo na dieta

Tipos de Nódulos e os principais sinais e sintomas:

A maioria dos nódulos tireoidianos não causam sintomas e, as vezes, não se consegue palpar o nódulo. Porém quando há sintomas são em casos de:

Nódulo Hiperfuncionante (produtor de hormônio tireoidiano):  Paciente pode apresentar fadiga, intolerância ao calor ou sudorese excessiva, palpitação, irritabilidade, dentre outros.

Nódulos Hipofuncionante (não-produtor de hormônio tireoidiano):  Geralmente assintomáticos, porém quando o nódulo é grande ou quando são vários de menor tamanho o paciente pode apresentar: obstrução de estruturas como a traqueia e o esôfago, dificuldade para engolir, dor ao toque e sensação de uma massa na região do pescoço.

Câncer de tireoide: Costuma ser assintomático e o principal sinal é o crescimento acelerado desse nódulo, que geralmente é único e aderido ao tecido. Em tumores maiores pode causar as mesmas complicações do nódulo hipofuncionante.

Diagnóstico

Durante a realização do exame físico pode ser palpado o nódulo, porém é necessário exames laboratoriais como TSH, T3 e T4. Outros exames complementares como Ultrassonografia da tireoide, cintilografia de tireoide e biópsia aspirativa por agulha fina serão solicitados de acordo com a necessidade avaliada pelo médico.

 Tratamento  

O tratamento depende do tipo de nódulo, por isso a importância de agendar uma consulta para uma adequada avaliação do paciente.

Em caso de dúvidas ou identificação de algum destes sintomas, busque orientações de um médico especialista em endocrinologia. Para saber se o médico é endocrinologista, associado à SBEM (Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia) procure aqui.

Para ler mais dicas, clique aqui!

Iniciar WhatsApp
Como posso te ajudar?
Olá!
Podemos te ajudar?